skip to Main Content

Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde seleciona estudantes bolsistas e voluntários da UCS

A participação na iniciativa do Ministério da Saúde é conjunta entre Universidade e Secretaria Municipal da Saúde de Caxias do Sul. Acadêmicos selecionados, dos cursos de graduação da Área do Conhecimento de Ciências da Vida e de Psicologia, vão desempenhar atividades nos eixos Gestão e Assistência. As inscrições são recebidas até 27 de junho

Proposta da UCS em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Caxias do Sul foi aprovada no Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde (PET-Saúde: Gestão e Assistência 2022-2023), da Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, do Ministério da Saúde.

Dentre os 142 projetos selecionados em todo o Brasil, o da UCS em parceria com a SMS classificou-se no 35º lugar, ocupando a segunda posição entre os 14 aprovados no Rio Grande do Sul. O anúncio dos selecionados foi publicado no Diário Oficial da União do dia 10 de junho.

Para esta edição, o objetivo do Projeto PET-Saúde da UCS e SMS de Caxias do Sul é fortalecer a integração entre ensino, serviço e comunidade, a partir da organização do trabalho nos serviços de saúde da Universidade e da qualificação técnica das equipes de saúde da rede municipal, na assistência à saúde mental dos usuários. A busca é fortalecer a rede de atenção primária à saúde, comprometida pela pandemia da Covid-19.

A partir de agosto de 2022, a iniciativa envolverá grupos compostos por tutores (dez professores), preceptores (dez profissionais da saúde) e 80 estudantes de graduação, de todos os cursos da Área de Conhecimento de Ciências da Vida e do curso de Psicologia – 40 estudantes bolsistas e 40 voluntários, distribuídos entre os eixos Gestão e Assistência.

Dentre as atribuições dos acadêmicos estarão o exercício de práticas e vivências na realidade do trabalho em saúde e a produção de conhecimento relevante em áreas prioritárias da saúde, como gestão e assistência. As atividades ocorrerão no âmbito de Ensino, Pesquisa e Extensão.

Segundo a coordenadora institucional do PET-Saúde na UCS, professora Suzete Marchetto Claus, o projeto é estratégico ao considerar as demandas elencadas pela gestão da saúde no município e a necessidade de mudanças curriculares na graduação em saúde, tendo a interprofissionalidade, na perspectiva dos eixos da gestão e da assistência, como dispositivo para a integração ensino-serviço-comunidade.

O edital de seleção para a candidatura dos estudantes interessados em participar do projeto foi lançado em 15 de junho, no site da UCS. As inscrições se estendem até 27 de junho. Acesse para mais informações.

PET-Saúde
Em sua décima edição, o PET-Saúde busca dar continuidade à promoção de iniciativas para o fomento de processos de integração entre a academia e a rede de serviços de saúde, com vistas a articular e a fortalecer mudanças na formação de graduação, em consonância com as necessidades em saúde requeridas para o Sistema Único de Saúde.

Com foco na interprofissionalidade, no trabalho em rede e na diversificação dos cenários de práticas para mudanças na dinâmica do trabalho em saúde, o Programa vem consolidar o conceito de humanização do cuidado e o princípio da integralidade da assistência. As ações estimulam o desenvolvimento de competências colaborativas e a mudança curricular nos cursos envolvidos, além de articular ensino, pesquisa e extensão para o cuidado em saúde.

Essa matéria tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top