skip to Main Content

Famiglia Pastasciutta

Com história consolidada há 40 anos, a Famiglia Pastasciutta busca sempre o bem servir e prima pela qualidade, priorizando a utilização dos insumos gerados pelos produtores locais.

“Vou lhe contar, eu instiguei e incentivei ele a plantar flores comestíveis para vender aos restaurantes! Querido, ele me agradece sempre… Pesquisei e dei sementes para ele”, me diz Angelita Ecker, a mão forte das empresas na elaboração dos cardápios, sobre André Fattori (Raddici), que podemos ver nas manhãs entregando hortaliças e flores comestíveis em duas grandes cestas de vime.

A Famiglia Pastasciutta sempre teve e continua tendo uma gastronomia viva, aquela que quando consumida à mesa, pulsa genuinamente as origens.

André Fattori

Bistrot Pastasciutta

Chef William Teixeira Brandão

Prato tradicional: Gnochi de mandioca ao molho de ragu de linguiça flambado com graspa envelhecida e finalizado com brotos de salsa orgânico.

Prato vegano do Bistrot: Gnocchi de mandioca ao pomodoro rústico

Fornecedores: André Fatori – Linha 28 ( aipim, broto de salsa ) / Fornecedor Nilton – Graspa envelhecida / Graspa Lazaretti – Linha Tapera

Cantina Pastasciutta

Chef Guilherme Fraitag

Prato Tradicional: Polpetone recheado e gratinado com queijo colonial sobre Polenta mole e pomodoro rústico finalizado com radicci orgânico crocante e fio de mel dourado

Cantina Pastasciutta – Prato Vegano : Polenta mole ao Pomodoro rústico crocante de Radicci e fio de mel

Fornecedores: Everson Rupphental – Linha Marcondes ( queijo colonial ) / André Fatori – Linha 28 ( radici ) / Rui Model – Linha Marcondes ( mel )

Essa matéria tem 1 comentários

  1. Parabéns, gracias mil, show de apresentação, atendimento, pratos deliciosooooosssss! Virei novamente de Recife para cá, comer bem na Cantina Pastasciutta!
    Gratidão,
    Marisol Cardona

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top