skip to Main Content

Mais vacinas para Gramado e testagem nos turistas

Crédito: Ascom/Prefeitura de Gramado

Após reunião com a secretária da Saúde do Estado Arita Bergmann, Gramado terá suas remessas de vacina contra o coronavírus (Covid-19) revistas. Segundo a Secretaria, os números da população de Gramado estão defasados e o município deve ter um incremento de doses na próxima semana. A defasagem chega a mais de 3 mil doses. O video com depoi,emto do Prefeito e da Secretaria de Estado está neste link: https://fb.watch/6V0aXX1GHm/ – Informações Prefeitura Municipal de Gramado/Assessoria de Imprensa

Prefeitura de Gramado e Estado elaboram projeto de testagem em turistas

A fim de evitar a propagação de novas variantes do coronavírus na cidade, local de alto fluxo de turistas, antes da pandemia uma média de 6 milhões ao ano, somente durante o Natal Luz cerca de 2 milhões de pessoas, a Prefeitura de Gramado e a Secretaria da Saúde do Estado (SES) iniciaram a elaboração de um projeto de testagem de visitantes na chegada ao município e acompanhamento dos casos que se mostrarem necessários.

Ainda sem data de início da execução confirmada, os detalhes do projeto serão debatidos entre as equipes técnicas. “Certamente neste segundo semestre, devemos receber mais visitantes de outros locais do país no Estado, e precisamos de estratégias para evitar a transmissão do vírus”, disse a secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann.

O prefeito Nestor Tissot comemorou a decisão do Estado. “Fomos a Porto Alegre para solucionar o problema da falta de doses da vacina contra o coronavírus e junto com equipe técnica da Secretaria da Saúde viabilizamos um projeto inédito para o Estado, a testagem de turistas que visitaram Gramado e a Serra Gaúcha no decorrer dos próximos meses”, disse.

Especialista em saúde do Laboratório Central do Estado (Lacen), Richard Steiner Salvato lembrou de que duas das variantes de preocupação do coronavírus (a P.1, que teve primeiro registro no Amazonas, e a Delta, com primeiro registro na Índia) foram identificadas a primeira vez no Estado em Gramado. “Isso comprova a necessidade de cuidado redobrado”, acrescentou Arita.

Essa matéria tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top