skip to Main Content

1973 – 1ª Festival de Cinema de Gramado

Melhor Filme: “Toda Nudez Será Castigada”, de Arnaldo Jabor

https://youtu.be/TQ-CmuWIz_A
O viúvo religioso Herculano se encontra em um dilema quando seu irmão, no intuito de ajudá-lo, marca um encontro com uma prostituta. Apesar das memórias da esposa, Herculano se apaixona pela linda Geni, causando um alvoroço na família, especialmente com seu filho único, Serginho, que se recusa a aceitar o novo relacionamento do pai.
Enoir e Silvia Zorzanello.
Pedro e Suzana Bertolucci
Fotos: Arquivo Histórico Municipal João Leopoldo Lied

Melhor Ator: Carlos Kroeber, por “A Casa Assassinada”

Melhor Atriz: Darlene Glória, por “Toda Nudez Será Castigada”

Melhor Diretor: Luis Sérgio Person, por “Cassi Jones: Magnífico Sedutor”

Prêmios Especiais: Antônio Carlos Jobim pela música de “A Casa Assassinada”, e André Faria pela fotografia de “Roleta Russa”

Menção Especial: “Toda Nudez Será Castigada”, pela utilização da música de Astor Piazolla

Menção Honrosa: “O Homem do Corpo Fechado”, de Schubert Magalhães

Essa matéria tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top