Foto: Estratégia Comunicação

Neste ano em que o evento comemora sua 60ª edição, em função da pandemia do corona vírus, não foi possível realizar as atividades que estavam programadas para o mês de maio, então os organizadores optaram por realizar um fim de semana festivo no Santuários nestes dias 5 e 6.

Foto: Estratégia Comunicação

A Romaria Motorizada saiu da Igreja Matriz, às 9h30 de sábado, com milhares de veículos seguindo o caminhão dirigido por Alex Razera, 32 anos, produtor de grama, que espera há 10 pela honra de levar a imagem na Romaria. Ele comenta: “somos devotos de Nossa Senhora de Caravaggio, temos promessas feitas e alcançadas, além de ser muito gratificante poder levar a sua imagem, é uma forma de agradecimento. Falando de um modo mais geral, podemos dizer que é uma realização de qualquer motorista levar a imagem na Romaria”.

Por volta das 10h30 os primeiros automóveis do cortejo chegaram ao Santuário, mas até as 14h30, alguns ainda passaram pelo mesmo em busca da bênção proferida em cada veículo que participou da Romaria. A estimativa é que aproximadamente 7 mil participaram do evento, segundo estimativa da Polícia Rodoviária. Um rosário com 8m de comprimento, com bolas de isopor e cano de aço surpreenderam os que chegaram ao Santuário. As bolas foram doadas por uma devota que prefere manter o anonimato, sendo que o projeto e a execução foi da comissão festeira, coordenada pelo presidente do Conselho Administrativo do Santuário Lauro Drechsler.

Além da Romaria Missas, no sábado a tarde, domingo pela manhã e a tarde, no sistema drive-in, fizeram parte da programação.

Todos os domingos, às 9h30, tem Missa drive-in no Santuário.