Edição Nº 708 -29/07/2020

29/07/2020

Festuris Connection será transmitido do Saint Andrews Mountain, Gramado, dias 4, 5 e 6 de agosto

Centro de eventos Mountain

Festuris Connection reunirá lideranças empresariais, do setor público e especialistas para debater a reconstrução do turismo

Evento online exclusivo vai acontecer de 4 a 6 de agosto com transmissões diretamente do Castelo Saint Andrews, em Gramado/RS

Reunir lideranças do setor público e empresarial para discutir os caminhos da reconstrução do turismo brasileiro. É com este propósito que o Festuris Connection – evento online exclusivo – vai provocar conexões entre Brasil, Portugal, Uruguai e Estados Unidos nos dias 4, 5 e 6 de agosto. As transmissões serão realizadas diretamente do Castelo Saint Andrews, em Gramado/RS.

Continue lendo
Adicionar comentário

Você e seu pai no Castelo Saint Andrews

A programação

Conexão Brasil / Portugal

Conexão Brasil / Uruguai

Conexão Brasil / Estados Unidos

Os painelistas

Em seguida você pode saber sobre o conteúdo que alguns dos participantes vão abordar no evento…

Adicionar comentário

É tempo de resgatar a coragem de recomeçar

Marta Rossi (CEO da Rossi & Zorzanello Feiras e Empreendimentos)

A coragem de empreender em tempos difíceis é uma característica da família, está no DNA, foi o que forjou o recomeço das vidas dos imigrantes que chegaram no Sul do Brasil, aqui na Serra Gaúcha e em Gramado. Eles encararam imensas adversidades e precisaram de força e cooperação para sobreviver e construir um novo futuro. Foi preciso muito esforço, muito trabalho, muita dedicação, persistência e resiliência.

Continue lendo
Adicionar comentário

Excelência e segurança na hospitalidade pós-pandemia

Guilherme Paulus (Fundador da CVC e do Grupo GJP)

Estamos vivendo um cenário nunca antes visto na história do planeta, com impacto direto em todos os setores da economia, nada exclusivo para o nosso segmento, portanto é preciso planejamento e otimismo para uma retomada consciente e repleta de novos serviços e oportunidades que sempre vislumbramos em momentos como esse.

Continue lendo
Adicionar comentário

Modelo de negócios inspirado na criatividade

Luciano Peccin – Casa Hotéis

Depois que alguém com criatividade inventou a roda, tudo ficou mais fácil. A copiatividade passou a ser o grande sucesso da roda, de madeira, de ferro, de borracha, com câmara, raios e assim por diante tudo começou a andar. Estamos num momento em que readaptar é necessário e readaptar significa criar ou recriar. Nada mais será como antes ou tudo será como antes, mas com criatividade.

Continue lendo
Adicionar comentário

Juntos pelo turismo regional: uma causa compartilhada

Solon Stapassola Stahl (Diretor-executivo da Sicredi Pioneira RS)

2020 se anunciava como o ano da retomada de um crescimento econômico mais vigoroso no país, depois da Reforma da Previdência e de outras medidas econômicas. E nesta esteira, os brasileiros que viajavam muito, tinham planos de viajar mais, movimentando com ainda mais força todo o cluster do turismo, tanto nacional como internacional.

Continue lendo
Adicionar comentário

Desafios de planejar e gerir o turismo em um grande destino para os próximos anos

Rafael Carniel Almeida, presidente da Gramadotur

Quando fui convidado a ser Secretário de Turismo de uma das cidades mais reconhecidas e bem posicionadas no turismo brasileiro, sabia que estava abraçando um grande desafio. O turismo é o maior negócio de Gramado, responsável por cerca de 90% da atividade econômica. É também o setor que concentra cerca de 10% do PIB e do emprego mundial. São inúmeras as suas variáveis e sua inter-relação com outros setores é intensa. Coordenar as políticas públicas do setor que consagrou uma cidade como Gramado, gerando empregos, renda e desenvolvimento ao longo de muitos anos é uma imensa responsabilidade.

Continue lendo
Adicionar comentário

Covid-19: dinamizador de mudanças

Alexandre Gehlen (Presidente do Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil e Diretor Geral da Rede Intercity de Hotéis)

Nem os mais consagrados trend setters e futurólogos no mundo de negócios arriscam-se a afirmar categoricamente como será o mundo pós-Covid 19. Na Europa e na Ásia vemos alguns esboços na prestação de serviços, ainda nebulosos, que dizem pouco sobre o que pode ser considerado uma nova e definitiva estrutura sobre a qual estará alicerçada a nova década.

Continue lendo
Adicionar comentário

Festuris Connection desenvolve campanha em benefício ao Hospital São Miguel

Comunidade também pode fazer doação separada para ajudar na compra de Incubadora Neonatal e Monitor Multiparamétrico 

Além de contribuir com debates para a reconstrução do turismo brasileiro, o Festuris Connection – evento online promovido pela empresa gramadense Rossi & Zorzanello – está trabalhando com uma forte causa social. Parte da renda será repassada ao Hospital São Miguel de Gramado para a aquisição de equipamentos para o berçário da maternidade. E mesmo quem não participar do evento pode colaborar com qualquer quantia para que essa antiga demanda do hospital se torne realidade. 

Entre os equipamentos necessários estão uma Incubadora Neonatal (que proporciona a um recém-nascido um ambiente termoneutro, controlado pelos fatores fluxo de ar interior, umidade e temperatura, geralmente utilizada em bebês prematuros) e um Monitor Multiparamétrico (utilizado pelos profissionais de saúde para acompanhar os principais indicadores do paciente). Ambos serão utilizados por pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com o diretor administrativo do HASM, Márcio Slaviero, o hospital não dispõe de recursos para fazer o investimento diante das dificuldades financeiras pela qual enfrentam as instituições de saúde do Estado. Mesmo com a pandemia e a estruturação do hospital neste sentido, continua sendo fundamental qualificar o berçário para recém-nascidos críticos que necessitam de um manejo mais intensivo

Para conhecer melhor o evento basta acessar o site www.festurisgramado.com/connection. E quem deseja doar alguma quantia pode fazê-la através do link: https://bit.ly/2CGjasi. Faça o bem e amplie o seu conhecimento. Vamos juntos abraçar essa causa. 

Adicionar comentário

Gramado, um lugar com muitos lugares…

Bicicleta, uma das alternativas para conhecer o município, saia do centrinho e aventure-se pelas rotas sinalizadas: http://www.gramadoinesquecivel.tur.br/gramadobike/
Adicionar comentário

O que aprendi com minhas células rebeldes?

A professora de yoga Luciana Lobo escreve livro com a jornalista Brunna Condini, relatando, de forma emocionante e lúcida, como o diagnóstico de um câncer foi sua passagem rumo à jornada de materialização de três projetos sociais . Foto: Divulgação

E quando a vida sai do roteiro em um dos seus melhores momentos e às vésperas da realização de um sonho?

Foi exatamente isso que aconteceu com Luciana Lobo, professora de yoga e mestre em Ciências Biológicas (Microbiologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), naquele maio de 2017.  Após um segundo exame, feito por insistência da sua massoterapeuta, ela recebeu o diagnóstico de um câncer de mama. Luciana estava com 41 anos, casada há quase 20, com dois filhos pequenos e se preparava para inaugurar seu estúdio de yoga, um espaço para o autocuidado através das PICs (Práticas Integrativas e Complementares), o YOGAPICs. Mas tinha um câncer no meio do caminho. A jornada do diagnóstico, passando pelo tratamento até a remissão do câncer, é o contexto do livro O que Aprendi com Minhas Células Rebeldes? (Editora Autografia; 127 páginas; R$ 44,90), que Luciana Lobo escreveu em parceria com a jornalista Brunna Condini, lançado neste mês de julho. Luciana chamou seu câncer de “minhas células rebeldes”, porque o que dá origem a um câncer, como ela explica, é a “rebeldia” das células, que se multiplicam de forma desordenada e sem controle, dividindo-se mais rápido que outras. Esse excesso de células vai invadindo todo o organismo, adoece o corpo e dá origem aos tumores malignos.

Durante o tratamento, Luciana criou três projetos sociais que beneficiam pacientes oncológicos de forma gratuita: o Instituto ZENcancer, que oferece práticas integrativas e complementares aos pacientes, como a yoga e a meditação; o “Vamos falar de câncer?”, projeto de extensão na UFRJ que beneficia estudantes e profissionais da área oncológica, crianças com câncer e sem, por meio do compartilhamento de informações validadas cientificamente e produção de material didático sobre o tema; e o “Com fiar”, que viabiliza aulas de crochê para criação de perucas e brinquedos para pais e acompanhantes de crianças em tratamento.

“Eles foram criados nas minhas madrugadas insones, por conta dos efeitos colaterais da quimioterapia e dos corticoides no organismo”, recorda Luciana. “Pensava que eu poderia transformar o que estava vivendo em algo bom. Mas como fazer isso? Uma tarde, enquanto praticava yoga, constatei como era abençoada por ter essas ferramentas, que me ajudavam no processo de recuperação. Desejava dividir isso com outras pessoas que estivessem passando pelo mesmo”, acrescenta.

E no meio da pandemia, mais um livro

Os planos de Luciana Lobo para 2020 incluíam lançar “O que Aprendi com Minhas Células Rebeldes?”, e expandir os projetos do Instituto ZENcancer. Mas veio a pandemia do novo coronavírus, e a professora precisou interromper as atividades presenciais do seu estúdio de yoga em Botafogo. No entanto, os alunos do projeto não ficaram sem amparo. Ela vem orientando práticas gratuitas de yoga e meditação, gratuitas há mais de cem dias. Desta experiência, Luciana vem escrevendo seu segundo livro, “Dias de Recolhimento – Um Olhar para Dentro em razão da Covid-19”. Com organização de conteúdo e entrevistas realizadas também pela jornalista Brunna Condini, Luciana vai compartilhar práticas para uma vida mais saudável e com mais bem-estar, durante e pós pandemia.

Contatos: Telefones: (21) 99978-3030 (Brunna Condini); (21) 98122-6891 (Luciana Lobo)
Instagram:/minhascelulasrebeldesolivro
Facebook:/minhascelulasrebeldesolivro

Adicionar comentário

Santa Rita de Cássia

Foto: Tela Tomazeli

Oração a Santa Rita por uma causa impossível

Ó poderosa e gloriosa Santa Rita chamada Santa das causas impossíveis, advogada dos casos desesperados, auxiliadora da última hora, refúgio e abrigo da dor que arrasta para o abismo do pecado e da desesperança, com toda a confiança em vosso poder junto ao Coração Sagrado de Jesus, a vós recorro no caso difícil e imprevisto, que dolorosamente oprime o meu coração.

(Faça seu pedido)

Alcançai a graça que desejo, pois sendo-me necessária, eu a quero. Apresentada por vós a minha oração, o meu pedido, por vós que sois tão amada por Deus, certamente será atendido. Dizei a Nosso Senhor que me valerei da graça para melhorar a minha vida e os meus costumes e para cantar na Terra e no Céu a Divina Misericórdia.

Santa Rita das causas impossíveis, intercedei por nós! Amém.

Leia a linda e comovente história de Santa Rita! Ore e peça, se te é de direito Ela te atenderá.

Continue lendo
Adicionar comentário