O território de Gramado será monitorado por 35 novas câmeras segmentadas em 11 diferentes pontos. Os equipamentos são incrementados com tecnologia que permite a visualização das áreas durante as 24 horas do dia. O contrato que oficializa o início da instalação dos equipamentos foi assinado dia 3 de setembro.

O município terá, ainda, a estrutura de mais seis câmeras LPR (leitor de placas veiculares) a fim de dar início ao processo de cercamento eletrônico da região. A cidade já dispunha de 13 câmeras de monitoramento que permanecem em atividade. Deste modo, Gramado terá um total de 48 câmeras em 24 pontos do município.

Esta ação contempla, também, a aquisição dos respectivos softwares licenciados com suas especificações técnicas. Estes programas permitirão o espelhamento das imagens tanto para a Brigada Militar e para a Polícia Civil em Gramado, quanto para o Departamento de Comando e Controle Integrado da Secretaria de Segurança Pública do Estado, em Porto Alegre. O investimento efetuado pela Prefeitura de Gramado é de R$ 504 mil.

Locais das 35 novas câmeras

  • Praça Isaías Elias de Moura, no bairro Moura (3 câmeras)
  • Complexo Ernesto Volk, no bairro Piratini (3 câmeras)
  • Vila Olímpica, no bairro Várzea Grande (3 câmeras)
  • Praça do Loteamento Altos da Viação Férrea no bairro Várzea Grande (3 câmeras)
  • Cruzamento das ruas Emílio Leobet e Dartagnan de Oliveira, no bairro Avenida Central (3 câmeras)
  • Corpo de Bombeiros, no bairro Centro (4 câmeras)
  • Cruzamento das ruas João Benetti Sobrinho com Prefeito Waldemar Frederico Weber, no bairro Mato Queimado (3 câmeras)
  • RS-235, próximo à Polícia Rodoviária, no bairro Planalto (2 câmeras)
  • Lago Negro, no bairro Planalto (4 câmeras)
  • Cruzamento da RS-115 com Rua Faustino Rissi, no bairro Várzea Grande (4 câmeras)
  • Sociedade Independente da Serra Grande, no bairro Várzea Grande (3 câmeras)

Locais das seis novas câmeras LPR

  • RS-235, próximo à Polícia Rodoviária, no bairro Planalto (2 câmeras)
  • Lago Joaquina Rita Bier, no bairro Planalto (2 câmeras)
  • RS-235, na saída para Canela (2 câmeras). Texto: Letícia Rossa