skip to Main Content

A Páscoa será em quarentena…

Estamos bem aqui em Gramado. A população se mantém em resguardo. Algumas movimentações para reabertura dos estabelecimentos, mas o decreto do governado Eduardo Leite jogou água fria na iniciativa. Credito a adesão da população ao empenho dos ministros da Saúde, Economia e Segurança, Mandetta, Guedes e Moro. Creio que vamos ficar por mais tempo, na ‘cadeira do pensamento’. Sugiro a entrevista do empresário Luciano Peccin, que publicamos nesta edição, está enriquecedora. Tu vai ver também muitas fotos de Gramado, algumas de Nova Petrópolis, comidas. Estou me virando para dar ao máximo de indução positiva da atual situação nas edições. Aceitar que o problema existe é um bom começo e, o segundo é começar a criar este novo mundo que estará surgindo depois desta reclusão. As vezes me parece que os políticos e as instituições querem nos afastar, mais que o próprio vírus. É um momento muito confuso, é como diz ministro Mandetta: entramos em colapso geral, não é somente uma questão de saúde… Como diz minha amiga Beta Pletsch, vamo que vamo! Lembra de ligar para a Prawer para solicitar a Páscoa da família. Tu pede pelo whtas e eles entregam na tua casa.

*as fotos ficam mais legais vistas no computador e ampliando :)

Um abraço,

Tela Tomazeli

Essa matéria tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top