Prezado leitor, talvez tu já estejas saturado de ver o sol, mas, está irresistível! Meus finais de semana têm sido dentro do mar, seja ele transparente como foi no último, quando saudamos Iemanjá, seja quando lembramos o chocolate de Gramado, marzão típico de gaúcho. A gente não se importa, gaúcho é apegado, até no chocolatão do mar, ‘só que não’, mas, pode ir nas praias e ver o povo se deleitando na água, seja da cor que for.

No último final de semana levei minha Iemanjá, não tenho a conta dos anos, tampouco de quantas gincanas Ela já participou, está comigo uma vida e, todo verão A levo para ver o mar, afinal, é com Ela que troco pensamentos e pedidos na estação.

Sábado, dia 2, amanheci na praia e registrei estas imagens. É vida que segue, sol e mar é como o ar, como o amor, como a dor, como a paz...

Obrigado por estar aqui em nossa edição 632, ano 12!

Um abraço

Tela Tomazeli

Editora

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli

 

Crédito: Tela Tomazeli