Sessão da Câmara de Vereadores de Gramado, com presença do secretario da Saúde, João Teixeira

Dr. Buzatto, secretario, João Teixeira, vereadores Luia Barbacovi e Rosi Ecker. Crédito: Divulgação

 

Na última segunda-feira, dia 12 de junho, o secretário de Saúde, João Teixeira participou da sessão ordinária da Câmara Municipal, oportunidade em que falou sobre os trabalhos desempenhados por sua pasta.

Ele iniciou informando que no ano de 2017 já foram investidos R$ 22.275.162,64 na saúde dos Gramadenses, sendo despesas das mais variadas modalidades, como: folha de pagamento e encargos, medicamentos, insumos de diabetes, fraldas, manutenção das UBS (estrutural e equipamentos), manutenção da frota, serviços médicos e odontológicos, exames, ações de vigilância em saúde, causa animal, repasses do Hospital, entre outros.

João também destacou que segundo dados do Sistema de Informações de Orçamentos Públicos em Saúde - SIOPS, já foi superado o índice de 15% dos Recursos Municipais aplicados em Saúde, atingindo até o momento 15,37%.

  • Medicamentos:

Na primeira licitação de Medicamentos de 2017 foram investidos aproximadamente

R$ 1.000.000,00 

Licitação de Insumos de diabetes o valor investido de

R$ 270.000,00

Licitação de Fraldas para Idosos e pacientes acamados o valor investido de

 R$ 96.640,00

  • Causa Animal

Já investidos R$ 371.077,84

Recolhimento, hospedagem, alimentação, castrações, chipagens e atendimentos de urgência.

Quantidade de animais atendidos hoje é de 272 cães e 17 gatos

Existem três projetos de Leis que estão sendo desenvolvidos pela Secretaria:

- Projeto para a alteração da Municipal nº 2.920, de 24 de maio de 2011, visando atribuir maior responsabilidade aos proprietários de animais e aplicar penalidades quando estes atendem ao que preconiza a Lei;

- Projeto para a criação do Conselho Municipal do Bem-Estar Animal;

- Projeto para a criação do Fundo Municipal do Bem-Estar Animal.

 

  • Ações Vigilância em saúde:

Vigilância Sanitária

Nº de vistorias: 310 (entre estabelecimentos de saúde e alimentos)

Denúncias recebidas: 23

Processos Administrativos Sanitários abertos: 06

Vigilância Ambiental

Programa de Combate ao Aedes aegypti

Nº de imóveis visitados: 1772

Nº de armadilhas instaladas: 44 (monitoradas semanalmente)

Nº de pontos estratégicos: 16 (monitorados quinzenalmente)

Nº de coletas realizadas: 292

 

Vigilância Epidemiológica

Controle de Doenças Transmissíveis:

Foi realizada a vigilância de 82 casos de doenças, com  notificação, investigação e manejo dos casos.

Tuberculose Acompanhados: 7 pessoas.

HIV acompanhados: 80 pacientes.

TESTES RÁPIDOS PARA HEPATITES, HIV E SÍFILIS: 1889 testes realizados.

 

Vacinas:

Rotina: mais de 3 mil doses aplicadas.

Primeiro ano em que foi ofertada a vacina pneumo23 para idosos de instituições de longa permanência.

Iniciado a vacinação contra HPV em meninas e meninos nas escolas.

Realizada ação na zona rural para busca de pessoas que precisavam receber a vacina da Febre Amarela.

Campanha Influenza: foram vacinados 8549 pessoas dos grupos prioritários, 2325 pessoas com morbidades e 1414 pessoas do grupo geral.  TOTAL: 12288 DOSES.

O município ultrapassou a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde em 90%, atingindo 100% de cobertura nos grupos prioritários.

 

Academia da Saúde:

217 usuários (educador físico foi demitido no final do ano de 2016, deixando a população desassistida nesse período, sendo contratados dois novos profissionais no início do ano de 2017 para o retorno do funcionamento).

 

Programa de Controle do Tabagismo:

19 participantes

 

Reeducação Alimentar:

85 participantes

 

PIM ( Primeira Infância Melhor)

O programa estava DESATIVADO em janeiro, por conta do desligamento de toda a equipe ( formada por terceirizados). As atividades foram retomadas com a contratação de 2 (duas) visitadoras e 1 (uma) monitora.

 

  • Serviços Médicos

Além dos serviços de Atenção Básica já disponibilizados nas UBSs.  Atualmente já estão ativos 27 contratos de terceirizados, para encaminhamentos de Especialidades Médicas ( equoterapia, quiropraxia, tratamentos endodônticos, exames laboratoriais, mamografias, ecografias, raio x,etc.)

Valor Investido com Serviços Médicos e Odontológicos - R$ 230.979,91

Valor Investido com Exames - R$ 336.605,23

No 1º Quadrimestre de 2017 já foram encaminhados 41.944.

  • Os Repasses realizados para o Hospital Arcanjo São Miguel em 2017 totalizam R$ 7.110.942,95
  • Associação Cristã de Moços- ACM

Valores pagos de Janeiro à Maio de 2017 - R$ 1.251.084,67

 

  • Projetos em Desenvolvimento

- Abertura de processo licitatório para contratação de empresa para manutenção e conservação do Horto Municipal de Plantas Medicinais;

- Abertura de processo licitatório para contratação de empresa especializada para desenvolvimento dos projetos complementares ( elétrico, hidrossanitário, etc.) e, assim viabilizar o início das construções da UBS Floresta

- Recebimento de Emendas Parlamentares de R$  199.535,00 do Sr. Nelson Marchezam Júnior  e R$ 193.530,00 do Sr. José Fogaça, ambas para aquisição de equipamentos e material permanentes para as Unidades Básicas de Saúde.

 

Assista na íntegra a Sessão com pronunciamento do secretário da Saúde, João Teixeira e questionamento dos vereadores

 

  • Temos 2.190 consultas e exames liberados que as pessoas não vão buscar;
  • A secretária não tem mais demanda, salvo na área de Gastro e Vascular, que estamos com problemas em conseguir médicos nesta área;
  • Conversei com corpo clínico, 90% certo quem não vai acontecer greve;
  • Até 20 de junho será colocado em dia o pagamento dos médicos do Hospital Arcanjo São Miguel;
  • Médicos tem agenda para reunião com o Prefeito;
  • Com relação ao Posto de Saúde da Várzea Grande, já olhamos vários terrenos, vimos um terreno que é do município, área de 5mil metros quadrados, governança já está trabalhando no projeto;