A 21ª Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza será realizada em todo Estado no período de 10 de abril a 31 de maio, sendo que o dia 4 de maio foi definido como de mobilização nacional – ou Dia D.

A campanha terá uma ação diferenciada: no período de 10 a 18 de abril, a vacina Influenza será disponibilizada prioritariamente para crianças, gestantes e puérperas (neste período também serão disponibilizadas as demais vacinas do Calendário Nacional de vacinação para atualização da Caderneta de Vacinação, no Centro Municipal de Saúde, UBS CAIC, ESF Nailor Balzaretti e ESF Várzea - Vila Olímpica).

A Influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório, sendo de elevada transmissibilidade e distribuição global, com tendência a se disseminar facilmente em epidemias sazonais, também podendo causar pandemias.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, a ocorrência de casos da influenza varia de leve a grave, sendo que casos de hospitalização e morte ocorrem principalmente entre os grupos de alto risco, desta forma recomenda-se fortemente a vacinação dos grupos prioritários.

A transmissão ocorre principalmente através do contato com partículas eliminadas por pessoas infectadas ou mãos e objetos contaminados por secreções, sendo assim a correta higienização das mãos considerada um excelente método de prevenção contra a doença.

 

GRUPOS

A partir de 22 de abril, a vacinação contra Influenza ocorrerá com a mobilização de todos os grupos prioritários em todos os postos de saúde do Município, a saber:

Crianças de seis meses a menores de seis anos (cinco anos, 11 meses e 29 dias);

Gestantes, em qualquer idade gestacional;

Puérperas, mulheres no período até 45 dias após o parto;

Trabalhadores de saúde dos serviços públicos e privados;

Professores das escolas públicas e privadas;

Indivíduos com 60 anos ou mais de idade;

Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, apresentando prescrição médica com cópia;

Indígenas;

Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em cumprimento de medidas socioeducativas;

População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.

A meta de vacinação será de pelo menos 90% de cada um dos grupos prioritários. A estimativa total é que serão vacinadas mais de 15 mil pessoas em Gramado – representa 42,3% da população local.

 

VACINAÇÃO DE 10 de ABRIL A 18 ABRIL

Centro Municipal de Saúde: 7h30 às 18h30;

ESF Várzea-Vila Olímpica: 7h30 às 12h e 13h às 18h;

UBS CAIC: 8h às 11h e 14h às 19h;

ESF Nailor Balzaretti (Pórtico): 8h às 11h e 14h às 17h30;

VACINAÇÃO DE 22 DE ABRIL A 31 DE MAIO

Centro Municipal de Saúde: 7h30 às 18h30;

ESF Várzea-Vila Olímpica: 7h30 às 12h e 13h às 18h;

UBS Várzea Grande: 7h30 às 17h**;

UBS CAIC: 8h às 11h e 14h às 17h (até às 19h)*;

ESF Nailor Balzaretti (Pórtico): 8h às 11h e 14h às 16h30 (até às 17h30)*;

UBS Carniel: 7h30 às 12h e 13h às 16h30;

UBS Jardim: 7h30 às 11h30 e 13h às 17h;

UBS Floresta: 7h30 às 11h30 e 13h às 17h;

UBS Piratini: 7h30 às 11h30 e 13h às 17h.

Informações: Vigilância em Saúde de Gramado – telefone 3295 7100 ramal 4.

 

Texto: Roque Tomazeli (com informações da coordenadora da Vigilância em Saúde, médica Veterinária Marina Toniolo).

Texto atualizado às 9h46 do dia 10 de abril. (* horário ampliado. ** inclusão de UBS.)