O prefeito João Alfredo de Castilhos Bertolucci (PDT) e o presidente da GramadoTur, Edson Néspolo, estiveram no Palácio Piratini, na quinta-feira (3), para a assinatura do termo de cooperação para viabilizar as ações do Festival de Cinema de Gramado. Foram R$ 200 mil liberados pelo Banrisul, co-patrocinador do evento, para incentivar e valorizar a produção cinematográfica no Estado. Na ocasião, também foram liberados R$ 380 mil da Lei de Incentivo à Cultura para o setor audiovisual.

Também estiveram presentes no encontro o governador do estado do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, o secretário de Planejamento, Governança e Gestão, Carlos Búrigo, o secretário da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Victor Hugo da Silva, o deputado estadual Tiago Simon e o presidente do Banrisul, Luiz Gonzaga Mota. O delegado de Gramado, Gustavo Barcellos, também participou da reunião para tratar questões referentes ao reforço de policiamento durante o Festival de Cinema.

O prefeito destacou o processo de inclusão social como um diferencial da 45ª edição. “Serão apresentados filmes esclarecedores referente à temática de violência contra a mulher, além de filmes especiais com técnicas de tradução específicas aos portadores de deficiência visual”, ressaltou.