A felicidade é a característica dos Santos, pois descobriram o segredo da felicidade autêntica que tem sua fonte no amor de Deus. Os Santos são chamados de bem-aventurados. O papa diz: “As bem-aventuranças são a carteira identidade do cristão, que o identifica como seguidor de Jesus”. O conteúdo das bem-aventuranças percebe que é inesgotável, pois sempre surgem novas ressonâncias e uma luz diferente para o momento que estamos vivendo.

1. Felizes os que têm espírito de pobre, os que sabem viver com pouco. Terão menos problemas e mais liberdade.

2. Os mansos: são os que esvaziam seu coração da violência e agressividade e podem viver em paz.

3. Os que choram ao ver os outros sofrer. São pessoas boas e com elas é possível construir um mundo mais fraterno e solidário.

4. Os que têm fome e sede de justiça são os que não perderam o desejo de serem justos. Neles sobrevive o melhor do espírito humano.

5.Os misericordiosos são os que sabem perdoar do fundo do coração. Só Deus conhece sua luta interior e sua grandeza.

6.Os que mantêm seu coração limpo de ódios, falsidades e interesses ambíguos. Neles se pode confiar para construir o futuro.

7. Os que trabalham para a paz com paciência e buscando sempre o bem de todos. Precisamos deles para reconstruir a convivência.

8. Os que são perseguidos porque agem com justiça e respondem com mansidão as injustiças e ofensas. Eles nos ajudam a vencer o mal com o bem.

9. Os insultados, perseguidos e caluniados porque seguem a trajetória de Jesus. Seu sofrimento não se perderá inutilmente. Jesus coloca Deus de seus olhos como garantia última da felicidade humana.

Aqueles que vivem inspirando-se neste programa de vida, “serão consolados”, ficarão saciados de justiça, alcançarão misericórdia, verão a Deus e desfrutarão eternamente de seu Reino. Não estamos sozinhos. Temos o auxílio de Maria como a primeira dentre os Santos e a primeira discípula do Senhor. Pense!

 

E-mail do colunista: pe.arisilva@hotmail.com

O conteúdo da coluna assinada assim como as imagens é de responsabilidade do colunista.